Marcas que inovaram na quarentena

Devido ao alastramento do COVID-19 (coronavírus), o país entrou em alerta geral, fazendo com que a população se resguardasse em casa para que o número de casos fossem mínimo, gerando assim um período de quarentena.

Com isso, algumas marcas rapidamente se posicionaram diante da situação e se disponibilizaram a prestar serviço gratuito à população por um período limitado, como forma de solidariedade. Trouxemos algumas dessas propostas para inspirar seu trabalho no home office.

Streaming

Serviços de streaming são os mais procurados durante esse período por que  é um entretenimento satisfatório e cômodo, sem falar no sentimento de relaxamento que pode proporcionar.

A GloboPlay entendeu essa possibilidade e liberou acesso gratuito por 30 dias, com mais de 30 títulos de entretenimento. Entre eles, estão disponíveis todas as temporadas de Malhação, mais de 20 produções do grupo Disney (incluindo filmes da Marvel e Pixar), além de séries originais e programas infantis.

Cursos online gratuitos

As instituições de educação (sejam elas físicas ou apenas online) também entraram na onda da quarentena e disponibilizaram diferentes cursos de forma gratuita para quem vai aproveitar o período para se especializar. Entre elas, estão grandes nomes do mercado, como: Harvard, FGV, SEBRAE, Faber-Castell e Udemy.

A Universidade de Harvard oferta mais de 100 cursos online gratuitos, com certificado e segmentados em 14 áreas: Artes e Design; Gestão e Negócios; Ciência da Computação; Ciência de Dados; Desenvolvimento Educacional e Organizacional; Ciência Ambiental; Governo, Leis e Política; História; Humanidade; Matemática e Análise de Dados; Medicina e Saúde Pública; Religião e Espiritualidade; Ciência e Engenharia e Ciência Sociais.

Para ter acesso aos curso basta clicar aqui e ir para o site.

A Fundação Getúlio Vargas (FGV) disponibilizou 55 cursos gratuitos com certificados em sua plataforma online. Dentre as áreas de especialização, estão: Administração, Direito, Recursos Humanos e Marketing.

Ficou interessado? Acesse e comece a colocar os estudos em prática.

O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE) liberou uma variedade de cursos online com certificados. Entre as especialidades, estão: Marketing, Gestão e Negócios, Finanças, Vendas, entre outros.

Para continuar integrado sobre os curso, você pode ter acesso clicando aqui.

A plataforma de cursos online Udemy possibilitou aos usuários o acesso a diversos cursos em variadas áreas de atuação, como: Fotografia, Marketing, Design, Negócios, entre outros.

Confira todos os cursos oferecidos pela plataforma clicando aqui.

A empresa Faber-Castell disponibilizou, até dia 19 de abril, em sua plataforma online, uma variedade de curso de desenho criativo para todas as idades. Entre eles, estão: Dicas de Desenho Realista, Lettering Básico e Avançado e Técnicas de Narrativas Visual.

Acesse a plataforma da Faber-Castell clicando aqui.

Posicionamento de Marca

As marcas precisam estar sempre atentas às novidades do mercado, podendo assim se posicionar de maneira estratégica. Enquanto umas empresas ficaram completamente perdidas com a chegada da quarentena, outras souberam usar estratégias para se reinventar rapidamente, como foi o caso das empresas Mercado Livre e iFood.

Após alguns dias do anuncio de quarentena, a equipe do Mercado Livre reposicionou sua marca. Atentos aos acontecimentos e, principalmente às orientações de cuidados higiênicos, decidiram alterar temporariamente sua marca. Onde antes trazia o contato físico de duas mão “fechando uma compra”, hoje, após a reformulação, podemos ver um toque de cotovelos – uma das orientações dadas pelo Ministério da Saúde em combate à transmissão do COVID-19 (coronavírus).

O Ifood também soube aproveitar o momento. Tendo passado recentemente por várias críticas ao seu formato de trabalho não regulamentado pela CLT, a empresa aproveitou o momento de crise para se posicionar favorável à situação – fortalecendo assim a sua marca. A marca criou um fundo solidário de R$50 milhões para dar suporte aos restaurantes parceiros, e também deixou um recado de prevenção aos usuários pelo app.

Imagem: Techtudo

Gostou das ações implementadas? Conta para gente: quais as dificuldades que você tem enfrentando no período de quarentena? Compartilhe com a gente também ideias de inovação!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *